Para uma melhor experiência neste site, utilize um navegador mais moderno. Clique nas opções abaixo para ir à página de download
Indicamos essas 4 opções:

Ok, estou ciente e quero continuar usando um navegador inferior.
Geral

Serviços da Unesc são conhecidos por municípios do Rio Grande do Sul

Serviços da Unesc são conhecidos por municípios do Rio Grande do Sul

A chegada da Unesc com uma unidade em Araranguá, em 2019, tem aproximado cada vez mais a instituição não só dos municípios de toda a Amesc, mas também do estado vizinho. De lá para cá algumas parcerias já foram firmadas e, ao longo dos últimos meses, visitas às cidades do norte do Rio Grande do Sul interligam ainda mais a Instituição da realidade da comunidade da região. Nesta semana lideranças da Universidade estiveram com a equipe do alto escalão da prefeitura de Capão da Canoa em apresentação dos serviços e possibilidades disponíveis por meio da Unesc.

Conforme o gerente do Escritório de Negócios da Universidade, Henrique Vargas, a ideia desta e das demais visitas já realizadas é aprofundar os conhecimentos que os municípios já têm sobre a Instituição e expandir a sua atuação. “Queremos nos colocar ainda mais à disposição. A Unesc é muito conhecida em todos esses lugares, porém as lideranças não têm a ciência de tudo o que é possível realizar por meio dos serviços da Unesc, seja no quesito tecnologia, pesquisa, infraestrutura, saúde, educação e tantas outras vertentes que a Universidade tem expertise para colaborar”, pontua.

Na próxima semana a equipe, formada ainda pela diretora da Unidade Araranguá, Izabel Regina de Souza, pelo gestor do Parque Científico e Tecnológico (IParque), Fernando Marco Bertan, e pelo coordenador do Centro de Engenharia e Geoprocessamento (Cegeo), Jóri Ramos Pereira, estará em Terra de Areia também para apresentação dos serviços da Universidade. “Nós visitamos os municípios, ouvimos suas demandas e necessidades e apresentamos projetos que se encaixem com a realidade de cada um. Já temos propostas a levar também para as cidades de Dom Pedro de Alcântara e Três Cachoeiras”, aponta.

No radar do grupo já está a possibilidade de elaboração de planos municipais de turismo e cultura, além de outros projetos que levem a expertise da Universidade à gestão pública.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *